DIY – Faça você mesmo – reformando cadeira de balanço

Lembra daqueles móveis que garimpei na casa do meu vô (olha aqui)? Criei vergonha na cara e muita disposição e coloquei na mão na massa. Aliás, na lixa, na massa, na tinta…. kkkkkkkkkk

O maridón falou para eu começar pela cadeira de balanço. Era uma cadeira da minha bisavó, que já está na família há quase 100 anos.

Já sabia que a madeira era imbuia. Nem preciso dizer que sou apaixonada por essa madeira, com todas as suas diferenças de cores… Sem contar na história, nas recordações, na qualidade que não encontramos mais, no reaproveitamento e em todos os benefícios de reformar um móvel querido.

Então, como foi combinado, vamos ver o passo-a-passo da reforma da cadeira de balanço:

1. Tirei a palhinha do assento que estava estourada. Primeiro, cortei tudo e, depois fui puxando com um alicatinho.

2.  Como queria colocar estofado no lugar da palhinha do assento, passei massa para madeira no lugar dos furinhos onde estava colocada a palhinha.

3. Passe a massa em toda a borda onde estava a palhinha para corrigir os furos.

4. Lixe bem até sair todo aquele verniz escuro que aplicavam antigamente na imbuia. Essa cadeira, preferi lixar na mão. Costumo usar lixa d´água 80 e 100 para lixar e, depois, uma 120 para não deixar a madeira arranhada. Lixe também a massa para uniformizar a altura e textura com a madeira. O maior segredo da reforma está nessa fase. Quanto mais lixar, mais bonito fica o móvel depois!

5. Como a cadeira é cheia de detalhes, achei melhor só usar tinta em spray. Gosto do spray branco fosco da Suvinil. Na cadeira, foram 3 latinhas (R$ 12,00 cada). Quem gosta do brilho ou de outras cores, fica lindo também! Usei uma lixa 100 para lixar os cantinhos e dar aquele efeito desgastado. 

6. O estofado mandei fazer no tapeceiro, que me cobrou R$ 30,00. Mas nada que um madeirite, uma serrinha e espumas não possam fazer por você. O tecido escolhido, como sempre, foi o jacard (já incluso o no $ do tapeceiro – para quem quer comprar, normalmente sai R$ 22,90 m²). Está pronta! É só escolher um lugar bem lindo para ela!

Espero que tenham gostado do PAP. 

Share Button

Liz é publicitária, empresária e mãe da Maria Eduarda. Ama blog, decoração, viagens, reciclagem e festas. Apaixonada pelo marido e pelo Johnny Boy, o baby de 4 patas.

Categorias: decoração, DIY; faça você mesmo

39 respostas para DIY – Faça você mesmo – reformando cadeira de balanço

  1. Liz querida,
    Acho lindo quem sabe mexer com computador e faz essas fotos assim bem feitinhas.Eu sou praticamente analfabeta, hehehe…
    Sua cadeira ficou maravilhosa. O bom é que ela é cheia de história, não é?
    Minha Liz está com gripão. Dá uma dó da bebê!
    Beijos e um ótimo final de semana.
    Nena.
    http://www.coracaodanena.blogspot.com

  2. Flavia diz:

    Assino embaixo de todos os comentários aqui!
    Ficou sensacional!!!!

    Beijos e otimo domingo!!!

  3. diasadois diz:

    Adoro esses seus móveis de família! Depois da reforma então, que espetáculo! Parabéns de verdade!!!!!

  4. Casinha Encantada diz:

    Liz, a cadeira fcou linda perfeita, coisa profissional.
    Bj

  5. Hélida diz:

    Ficou linda! Adorei! Beijos. Ah, obrigada por visitar meu blog. ^.^

  6. Cris diz:

    Nossa, ficou muito legal! Parabéns pela criatividade, e pela disposição também!

    Bjs!

    Fechei meu bloguinho, se não conseguir acessar me manda e-mail: novidadesdacris@hotmail.com

  7. Cris diz:

    Ficou linda!!! Depois de muito tempo, tbm comecei a reformar as minhas cadeiras que estava com pátina! Deu um trabalho tirar a tinta… Agora estou na fase da lixa! Qdo estiverem prontas vou postar! Bjos!

  8. Amanda Paula diz:

    Nossa realmente era o que estava procurando. Porém a minha cadeira é muito semelhante mas não é de balanço, e tenho 6 no conjunto. E essas palhinhas me irritam demais, são muito feias! E na palhinha do encosto você não fez nada?

  9. […] com mais de 100 anos e foi reformada pra ficar no quarto da tataranetinha. Tem o passo a passo aqui no Que […]

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>